Saiba o que fazer com aparas e limalhas de metais ferrosos!

Você sabia que existe uma importante atividade comercial envolvendo aparas e limalhas de metais ferrosos? Trata-se de uma atividade econômica cujo crescimento pode ser plenamente explicado por dois aspectos: esses elementos são 100% recicláveis e podem ser reaproveitados indefinidamente, com perda mínima de suas propriedades, pela indústria de reciclagem.

Isso significa dizer que se você produz resíduos de metais, ferrosos ou não, pode obter receitas vendendo esse material para empresas aparistas. Essas empresas desempenham um papel estratégico na cadeia de suprimentos da indústria da reciclagem. As aparistas compram, transportam, tratam e revendem as aparas e limalhas de metais ferrosos para aquela indústria.

O material é novamente transformado em matéria-prima para a produção de bens de produção e consumo, aumentando o ciclo de vida dos minérios na economia, assim como restringindo a extração dos mesmos na natureza. A atividade mineradora é tida como uma das mais nocivas ao meio ambiente e ameaça a própria vida humana. Basta que lembremos os dois graves acidentes envolvendo a Companhia Vale do Rio Doce recentemente no Brasil.

Portanto, se você deseja participar de uma cadeia de proteção ao meio ambiente e ainda obter receitas, é só fazer a separação das aparas e limalhas de metais ferrosos e ligar para uma empresa aparista. Se você estiver na grande São Paulo entre em contato com a Aparas Macedo. Temos atendimento ágil e preço justo.

O que são aparas e limalhas de metais ferrosos?

Há dois tipos de metais: ferrosos e não ferrosos. Exceto o ferro e o aço, todos os demais metais, como níquel, cobre, alumínio, zinco e chumbo, são não ferrosos.

Por hoje vamos ficar nos metais ferrosos. Os mais comuns são o aço, o ferro laminado e o ferro fundido. Para serem ferrosos precisam ter mais de 90% de ferro em sua composição, além de 5% de carbono. No caso do aço, o percentual de carbono na composição deve ser de no máximo 1,7%. As sobras desses materiais são as aparas e limalhas de metais ferrosos.

São elementos amplamente utilizados na indústria na produção de máquinas, equipamentos, veículos, aeronaves, ferramentas, utensílios domésticos e insumos para a construção civil. Não é difícil perceber a importância desses materiais para a indústria e para a sociedade humana. Não obstante, a exploração das jazidas desses minérios é um problema ambiental e social.

Por que é tão importante a reciclagem de metais?

Trabalhadores expostos ao ambiente das minas podem desenvolver doenças graves, como o câncer, devido ao contato com materiais altamente tóxicos. Materiais esses que são derramados nos rios, contaminando-os, comprometendo as condições de vida dos biomas em que estão inseridas essas jazidas.

Além da poluição dos rios com produtos químicos e metais pesados, a extração de metais provoca a destruição da vegetação local, afasta a fauna nativa e ainda põe em risco as populações ribeirinhas, fora a poluição do ar provocada pela queima de mercúrio para a extração dos minérios.

Se a sociedade aproveitar o imenso potencial que esses materiais possuem para serem reciclados indefinidamente a extração mineral estará com os dias contados ou, no mínimo, será drasticamente reduzida, mas para isso é preciso que cada um de nós faça sua parte.

Gostou deste artigo? Sugerimos que assista a este vídeo como complemento para o conteúdo de aparas e limalhas de metais ferrosos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *