Quer vender aparas de papel? Então saiba como fazer!

Vender aparas de papel? Do que se trata? Sucata de papel tem valor no mercado? Existe algum valor além do ganho financeiro decorrente da venda?

São perguntas que muitos leitores devem fazer ao se deparar com o título. Apesar de ser uma atividade já bastante disseminada e consolidada no Brasil, muitas pessoas ainda desconhecem o que seja o mercado de aparas de papel.

Trata-se, no entanto, de um mercado bastante importante em diversos aspectos, que movimentou, apenas no ano de 2015, aproximadamente R$ 3 bilhões no Brasil. Segundo dados do Guia ABTCP (Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel) 2016/2017, a tendência era de um crescimento anual do consumo de papel reciclável na casa de 1,5% até 2030.

O que nós veremos agora é como é fácil descartar corretamente sua sucata de papel e ainda obter uma receita que seria jogada no lixão. Em outras palavras, você ainda estará fazendo parte de uma política sustentável.

Por que a sucata de papel tem valor para o mercado?

Grande parte do valor agregado do papel reciclado está ligada à prática ambientalmente sustentável. O uso das aparas de papel tem o valor de evitar o descarte do material na natureza, evitando a poluição do solo e das águas.

Sem contar com a preservação das florestas de pinus e eucalipto, árvores de onde é extraída a celulose, matéria-prima da fabricação do papel, muito embora o Brasil tenha uma política de replantio que assegura que 100% das matérias-primas sejam obtidas de florestas plantadas.

A demanda por aparas de papel cresce, por sua vez, apesar mesmo de o preço ser um pouco mais elevado do que o papel feito da matéria-prima nativa. Muito embora a tendência dessa diferença de preço seja de diminuir gradativamente.

O que acontece é que a indústria de processamento de papel tradicional está mais estruturada para trabalhar com produção de grandes quantidades de papel, possuindo melhor controle de custos, logística e escala.

Na medida em que a indústria de reciclados cresce e ganha expertise, essa distância diminui. Além do que, existe a entrada de concorrentes, que obriga essa indústria a se sofisticar cada vez mais, seja nos processos tecnológicos, seja na gestão desses processos.

Como fazer coleta seletiva e vender aparas de papel

Você pode, inclusive, colaborar para reduzir o preço da matéria-prima reciclada fazendo a coleta seletiva de aparas de papel.

Basta separar o papel dos demais resíduos sólidos. Você deve reservar um local limpo e seco para armazenar suas aparas de papel. Quando tiver uma grande quantidade, é só entrar em contato com uma empresa de comércio e tratamento de sucata de papel da sua região.

Essas empresas compram suas aparas de papel, fazem o recolhimento, transportam o material e fazem o tratamento da futura matéria-prima. Parte do processo consiste em separar o papel aproveitável daquele que não pode ser reciclável. Sem contar com a limpeza e o enfardamento.

São processos que geram custos, mas que poderiam ser reduzidos se a coleta fosse mais seletiva na origem.

Deu para perceber a importância de vender aparas de papel? Quanto mais você fornece material em quantidade e de qualidade, menor será o custo de produção do papel reciclado, com consequente queda do preço ao consumidor final.

Se você tem seu negócio ou residência na região da Grande São Paulo, entre em contato com a Aparas Macedo. Temos toda estrutura para atendê-lo.

Sugerimos que você assista a esse vídeo e aprenda um pouco com quem entende muito de vender aparas de papel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *