Como funciona o comércio de aparas de EVA na Grande SP?

Vamos falar sobre o comércio de aparas de EVA na Grande São Paulo, uma atividade que ajuda a movimentar a indústria de reciclagem, um setor econômico que cada vez mais ganha força, graças ao seu potencial para aumentar o ciclo de vida do material na economia, reduzir a dependência da matéria-prima in natura, combater a poluição ambiental e gerar emprego e renda.

Para as devidas apresentações, EVA, ou acetato-vinila etileno, é um polímero derivado do petróleo. Tem como principais características o fato de ser um plástico emborrachado, com propriedades adesivas, alta capacidade de absorção de calor e alguns componentes à prova d´água.

O acetato-vinila sintética é uma espécie de espuma, mais leve que a água, usada como boia ou flutuador. É bastante aderente, flexível mesmo em baixas temperaturas, lavável e atóxico, sendo possível produzi-lo em diversas cores, espessuras e densidade.

Quais são as aplicações do EVA?

O EVA é muito utilizado para artesanato, na indústria de calçados e na fabricação de brinquedos. Está muito presente nos adesivos hot melt, um material que é termofundível, razão pela qual é muito utilizado nos segmentos de manutenção industrial, indústria automobilística, construção civil e fabricação de mobiliários.

Pode ser encontrado em diversos tipos de placas, materiais escolares, brindes, blendas, que são materiais produzidos a partir da mistura de diferentes plásticos pela indústria de polímeros e laminação.

Devido à sua leveza, o EVA é muito utilizado na produção de revestimentos para óculos de natação. Está muito presente também no mix de materiais utilizado na fabricação de chinelos e sandálias.

Como é feita a reciclagem das aparas de EVA?

Pelas aplicações não é difícil de imaginar que se trata de um plástico duro. Devido à sua composição, não pode ser amolecido para a reutilização na produção de outros produtos, o que torna o EVA um material difícil de reciclar.

Isso não significa, no entanto, que não pode ser reaproveitado pela indústria de reciclagem. Esse processo é viável com o recurso da reciclagem química, na qual o material é derretido, mas sem que haja danos ao mesmo.

O material pode ser reaproveitado de outras formas que não seja a reciclagem. Uma das aplicações mais comuns para as sobras desse material é a reutilização em obras de artesanato.

Comércio de aparas de EVA na Grande São Paulo

Quanto ao descarte correto, no que tange a pequenas quantidades, o mais apropriado é separar as aparas de EVA com outros resíduos sólidos que você tem dúvida se podem ser reciclados. As cooperativas de catadores possuem estrutura para fazer a triagem e encaminhamento do material.

No caso da indústria, que produz resíduos em grande quantidade, a melhor deliberação é utilizar a rede de comércio de aparas de EVA. São Paulo, por ser uma região de forte presença industrial, tem a compra e venda de aparas de EVA e outros materiais como atividades bem desenvolvidas.

As aparas de EVA podem ser vendidas para as empresas aparistas, que possuem toda estrutura para coletar, transportar, fazer triagem do material, tratá-lo, enfardá-lo e encaminhá-lo à indústria de reciclagem.

A Aparas Macedo é uma dessas empresas e teríamos prazer em negociar a compra de aparas de EVA com sua empresa. É só entrar em contato conosco!

Visite o nosso site para saber como trabalhamos e o que podemos fazer para atender às suas demandas.

Sugerimos, para complementar a leitura, que você assista a este vídeo sobre o crescimento da indústria de reciclagem no Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *